Erasmus+

“Enriquecer Vidas, Alargar Horizontes”

A aposta na dimensão europeia é uma estratégia diferenciadora do Projeto Educativo, sendo os projetos transnacionais objeto de inclusão obrigatória na filosofia da Escola. Foi elaborado um Plano Erasmus estratégico, onde estão definidas diretrizes que envolvem a leitura sobre o estado atual da Escola, no que diz respeito a atividades europeias, perspetivas para o futuro e o diagnóstico das necessidades, aliado à planificação de ações para a satisfação das mesmas.


KA121- Candidaturas a Financiamento para Organizações Acreditadas


A escola é detentora da Acreditação 2021-2027, em virtude da vasta experiência ao nível do desenvolvimento, com qualidade, de projetos transnacionais. O Programa Erasmus+ constitui-se como uma das estratégias mais importantes para diferenciar as práticas ao nível da Educação/Formação, imprimindo inovação e qualidade ao Projeto Educativo da escola e contribuindo para o desenvolvimento de todos os setores da sociedade ao nível local, regional e (inter) nacional. Pretende-se contribuir para o desenvolvimento de qualificações/competências diversificadas dos jovens, quer profissionais quer transversais, capazes de conduzir ao crescimento global e à inserção/ progressão socioprofissional. É necessário orientar os currículos dos cursos para os resultados, aproximando o perfil profissional dos jovens aos interesses das empresas, mediante a aquisição/alargamento das aptidões, proporcionadas pelas experiências adquiridas durante as mobilidades e através da aproximação das Escolas entre si com metodologias diversificadas, assim como o contacto com múltiplas realidades socioculturais/empresarias. Procurar-se-á aumentar a motivação dos alunos, o sucesso escolar, a taxa de conclusão dos cursos e a consciencialização da instrumentalidade da Escola e da formação profissional, combatendo o abandono escolar e a exclusão social, promovendo a igualdade de oportunidades. É premente facilitar a inserção profissional dos diplomados, aumentando a empregabilidade/progressão na carreira, através do aperfeiçoamento de aptidões a todos os níveis e da respetiva transparência e reconhecimento.

Uma das componentes do projeto centra-se na planificação de atividades direcionadas para o Staff. Ao assumir-se a internacionalização como estratégia a reforçar, é crucial a participação ativa do pessoal docente/não, docente nas escolas e noutras entidades que desenvolvem atividades de formação, entre outras, nas áreas visadas pelo projeto, facilitando a articulação dos conteúdos da formação e das medidas e regras conjuntas de atuação. É unânime a ideia do investimento na formação de professores/formadores, para promover a renovação e inovação da prática pedagógica e a modernização da Escola, o que significa, com garantia, continuar a investir nos projetos europeus.

Outra necessidade relaciona-se com a inovação e o reforço da capacidade de gestão da instituição, através do aumento das relações de cooperação internacional. Sendo a evolução da sustentabilidade sistémica uma necessidade, procurar-se-á, por um lado, conhecer como se desenvolve este processo nos outros países, com o intuito de se repensar e otimizar o modelo de gestão organizacional vigente, melhorando os níveis de gestão do risco e flexibilizando cada vez mais a abertura ao exterior, e por outro lado, estabelecer elos de ligação com empresas e outros organismos dos quais resultem atitudes proativas conducentes ao desenvolvimento de todos os setores.

Os projetos assumem uma importância fundamental, sendo muito apreciados pelos jovens, que, ao aspirarem realizar um estágio no estrangeiro, matriculam-se na Escola e investem na formação. Impera a necessidade de aumentar o posicionamento da Escola, ao nível local/regional/(inter)nacional, contribuindo para o desenvolvimento do tecido empresarial e dos diversos setores de atividade através da aposta na cooperação europeia e partilha das boas práticas, diferenciando o Projeto Educativo e transformando o Ensino e Formação Profissional numa escolha aliciante aos olhos da sociedade.

Para além da Escola ter promovido a mobilidade de alunos no decurso dos projetos, foram igualmente estabelecidas redes de trabalho com diversas entidades, pelo que recebemos alunos e professores/formadores de escolas da Europa, enquanto entidade intermediária e de acolhimento.


KA229 – COOPERAÇÃO E INOVAÇÃO PARA AS BOAS PRÁTICAS


 “Para um Turismo Consciente e Inclusivo na Europa”

Este projeto conta com uma excelente rede de parcerias: Escolas da Bulgária, Espanha, Grécia, Itália, Lituânia e Portugal (Coordenador),

Com a implementação deste projeto pretende-se contribuir para a partilha de boas práticas, designadamente na área do Turismo Sustentável, protegendo a região e ser uma Eco Escola Internacional.

Toda a comunidade escolar será envolvida, prevendo-se constituir um grupo de 45 alunos em cada escola para integrar de uma forma direta as atividades, participando nas mobilidades 20 alunos de cada escola, com idades entre os 16 e 18 anos, sendo uma parte significativa proveniente de contextos socioculturais/económicos desfavorecidos, aumentando a motivação e a inclusão social.

Destacam-se as seguintes atividades: análise dos hábitos dos turistas, identificando os impactos e formas de viajar que preservam o ambiente, e da evolução do turismo; visitas de campo; oficinas de trabalho/ pesquisas sobre sustentabilidade ambiental e cultural do turismo; conferências/workshops/visitas com observação da dinâmica dos hotéis/agências/municípios, permitindo-lhes posteriormente simular o próprio negócio, desenvolvendo o espírito empreendedor.

Participam nas mobilidades 10 professores de cada escola. Será construído um Blog e criado o Twinspace do projeto onde serão divulgados as fases e os resultados, o qual poderá ser visitado por todos os interessados.

As experiências e as competências adquiridas serão certificadas e validadas através de certificados e do Documento Europass Mobilidade.

A troca de experiências entre os professores enriquecerá as competências profissionais e o material será produzido/utilizado nas aulas, tendo um impacto positivo nas metodologias do processo ensino-aprendizagem, alargado às outras escolas através da disseminação dos resultados, incentivando-as à participação em projetos no âmbito do Programa Erasmus+.

Para além dos encontros presenciais, privilegia-se a comunicação e o feedback consistente, através do telefone, ferramentas do eTwinning correio eletrónico, skype e facebook.

Prevêem-se, entre outros, os seguintes resultados, boletins temáticos, blog, flyers, vídeos, Guia do Turismo Consciente e Inclusivo e workshops. A médio/longo prazo está previsto, entre outros resultados, a diminuição do abandono escolar e o aumento da motivação para a sucesso, maior procura por parte de novos alunos e o reforço do espírito empreendedor, através da criação dos próprios negócios.


KA229 - PARCERIAS DE INTERCÂMBIO ESCOLAR


“Crescer saudável! Vamos Criar um Coquetel de Bem-Estar!”

As quatro escolas parceiras, Portugal como coordenadora e Croácia, Turquia e Bulgária como parceiras, acreditam que os seus professores e alunos devem ter a oportunidade de melhorar a qualidade e a competitividade da sua instituição de ensino e a aprendizagem de um estilo de vida saudável.

O ciclo de vida do projeto é de 24 meses, com início em setembro (2020) e término em agosto (2022) e envolve a participação de toda a comunidade escolar. Envolve a participação direta em mobilidade de 48 jovens (12 de cada país), com idades compreendidas entre os 14 e 19 anos, sendo uma parte significativa oriunda de contextos socioculturais desfavorecidos, e 24 professores (6 em cada país). O projeto inclui quatro intercâmbios de curta duração de grupos de alunos em Portugal / Turquia / Croácia / Bulgária. Durante intercâmbios de curta duração, os participantes trabalharão o tema do bem-estar físico e emocional, aplicando tecnologia, teatro, jogos, desporto, mindfulness, nutrição, arte, biologia, geografia, línguas, entre outros. Os aspetos logísticos (viagens / seguros / CES / alojamento) estão assegurados.

A seleção é transparente, divulgando o projeto, motivando a comunidade escolar e o público em geral. Será realizada uma entrevista, com critérios definidos e divulgados, com base na igualdade de oportunidades. Os alunos / professores são solicitados a apresentar o CV / carta de motivação. Outros eventos do projeto em cada país incluem: reuniões para delinear o conteúdo e implementação / avaliação / divulgação / workshops / campanhas / road shows / jogos.

Os canais são usados para facilitar a comunicação (Twinspace / telefone / e-mail / skype). Pretende-se produzir, entre outros, os seguintes resultados, folhetos, cartazes, vídeos, aulas CLIL, kit de primeiros socorros emocionais, e-book saudável, boletins, workshops, métodos de aprendizagem colaborativa, renovação de instrumentos e metodologias de avaliação de projetos.

Pretendemos trocar exemplos de boas práticas com os parceiros e uma comunidade mais ampla em cada país participante e desenvolver o Twinspace do projeto e uma página da web comum onde as escolas podem se comunicar e trocar ideias e enviar materiais. Os certificados de apoio serão emitidos e solicitado o Europass Mobilidade para estudantes.

Todos os parceiros trabalharão em conjunto no eTwinning, partilhando os seus materiais e resultados que também serão divulgados através das páginas web das escolas parceiras e da página web do projeto.

Ao tornar os materiais e resultados do projeto publicamente disponíveis nas páginas das escolas, eTwinning, Plataforma de Resultados do Projeto Erasmus + e na página do projeto, outras instituições de ensino e indivíduos e partes interessadas serão capazes de melhorar as suas metodologias, para além do prazo do projeto.


KA210 - PARCERIAS DE PEQUENA ESCALA


O projeto Erasmus+ KA210 “(EM) POWER VET” integra três escolas pertencentes a três países: Portugal (escola coordenadora), Roménia e Turquia e tem a duração de 24 meses. Através do projeto pretende-se fortalecer a rede de colaboração entre parceiros transnacionais, contribuindo para a sustentabilidade da formação e dos setores profissionais. Pretende-se contribuir para o desenvolvimento global dos envolvidos, direta e indiretamente no projeto, aumentando a motivação/sucesso escolar, competências digitais/linguísticas/profissionais e transversais, alargando a responsabilidade social e ambiental e a consciência da identidade europeia.

Ao nível das atividades destacam-se: reuniões de projeto, mobilidades mistas, workshops e seminários, realização de um Curso Internacional de Cozinha, com a duração de 25 horas. Para além dos encontros presenciais, privilegia-se a comunicação e o feedback consistente entre todos os parceiros, através do Twinspace, telefone, correio eletrónico, facebook.

Prevê-se o aumento de competências profissionais/linguísticas/digitais dos participantes. A médio prazo está previsto, entre outros resultados, a diminuição do abandono escolar, o aumento da motivação para o sucesso escolar, da captação de alunos, do posicionamento das escolas, da ligação ao mundo do trabalho e das relações de colaboração. Prevê-se obter resultados tangíveis, tais como, eBook, APP para dispositivos móveis, Website; publicações e materiais multilingues e Curso de Cozinha Internacional.



 

Pré Inscrições
2022/2023

Inscreve-te já
Pré-Inscrições